Please disable Ad Blocker before you can visit the website !!!

Alugar imóvel mobiliado vale a pena?

by Lello Imóveis   ·  2 meses ago  
thumbnail

São diversos os motivos que fazem uma pessoa procurar por uma casa ou apartamento para alugar. Sair da casa dos pais, estudar fora ou simplesmente ficar mais perto do trabalho, por exemplo. Existem também uma infinidade de opções disponíveis, sobretudo nas grandes cidades e eixos comerciais com movimento e demanda por infraestrutura, como a proximidade do transporte público ou importantes vias de acesso. Dentre as escolhas possíveis estão os imóveis mobiliados.

No Brasil, não é muito comum a locação de casas e apartamentos já mobiliados, como é em países da Europa, onde os móveis fazem parte da propriedade. “Não é uma prática comum por aqui, a maioria das residências são negociadas sem mobília”, explica o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-SP), José Augusto Viana.

Perfil do cliente

Para a diretora comercial da Lello Imobiliária, Roseli Hernandes, o primeiro ponto que uma pessoa deve levar em conta é se o bem com mobílias atende suas necessidades não apenas cotidianas, mas também estéticas e de personalidade. “Alugando um imóvel com sofá, cama e mesa, você optou por praticidade, economia  e por não perder tempo comprando móveis e aguardando para recebê-los. Por outro lado, algumas características dos itens podem não agradar completamente.”

Segundo ela, existe um perfil específico de clientes que geralmente procuram por locais prontos para o uso na hora de alugar. “Indicamos imóvel com sofá e outros objetos para pessoas que vão fazer a locação por pouco tempo, como estudantes, executivos e trabalhadores que moram em outras regiões do País.”

Preço

Esse tipo de negócio costuma ser em torno de 15% mais caro do que os imóveis vazios. Por isso, esse pode ser um ponto importante a se levar em conta, já que mesmo com a diferença no valor do aluguel, muitas vezes o locatário vai precisar desembolsar mais para comprar alguns objetos.

Caso o cliente já tenha alguma mobília, o apropriado é fazer as contas e ver se não vale mais a pena utilizar essa diferença no valor da locação com mobília para comprar o restante dos móveis aos poucos e parcelado, levando para o apartamento seus próprios itens.

Já se o perfil do possível locatário for de amigos que pretendem dividir um apartamento, por exemplo, o conveniente é investir no imóvel já mobiliado, evitando desentendimentos na hora de repartir os objetos comprados e economizando tempo e dinheiro.

Desvantagens

Para saber se o investimento vale realmente a pena é imprescindível entender também as possíveis desvantagens dele. Para Roseli, existem três pontos que podem ser considerados negativos: a conservação da mobília, a decoração do espaço e a responsabilidade extra.

Quando falamos de uma casa ou apartamento alugado, a chance de outras pessoas já terem passado pelo espaço é grande. Por isso, alguns móveis podem não estar em condições perfeitas, já que foram utilizados por outros inquilinos. O novo locatário deve prestar atenção no estado de preservação antes de fechar o contrato, evitando problemas futuros.

Quem aluga um apartamento mobiliado assina o contrato sabendo que não vai poder modificar o local, ainda que a decoração não agrade ou que a disposição dos itens não atenda aos gostos particulares, o que pode ser um ponto negativo.

O locatário também tem que ter em mente que quando aluga o imóvel com móveis, ele também fica responsável pelos artigos. “O inquilino deve devolver a propriedade e seus pertences nas mesmas condições que recebeu. Isso faz parte do Contrato de Locação”, explica Roseli.

Fonte: https://imoveis.estadao.com.br/aluguel/alugar-imovel-mobiliado-vale-a-pena/amp/