Please disable Ad Blocker before you can visit the website !!!

Confira nossas dicas para fazer uma horta em casa!

by Lello Imóveis   ·  1 semana ago  
thumbnail

Fazer uma horta em casa é uma maneira de trazer mais bem-estar e saúde para a rotina do seu lar. Leia o post e confira nossas dicas!

Uma vida mais saudável e prazerosa começa com o dia a dia no nosso lar. Cultivar uma horta em casa é uma prática que pode levar a uma rotina com mais saúde e bem-estar.

Essas pequenas plantações podem contribuir muito com nossa alimentação e absorção de nutrientes diários, garantindo ervas e hortaliças frescas no nosso prato.

Além disso, é uma opção viável para vários tipos de imóvel, não apenas para residências que contam com grandes jardins.

Continue a leitura e confira algumas dicas de como fazer uma horta em casa!

Como fazer horta em casa?

Muitas pessoas estão sempre em busca de uma rotina mais saudável, mas não sabem por onde começar.

O cultivo de uma horta em casa é uma maneira de estimular uma alimentação mais rica e ainda é uma atividade prazerosa, que tem efeitos positivos sobre a saúde mental.

E para falar desse assunto tão importante e legal, nada melhor do que conversar com especialistas.

A nossa parceira Loa Terra separou algumas dicas para ajudar você a começar a plantar e aproveitar todos os benefícios de uma vida mais sustentável. Confira.

Dicas da Loa Terra para fazer uma horta em casa

Você tem vontade de ter uma horta em casa, mas não sabe por onde começar ou já matou tanto alecrim que desistiu?

Cada vez mais gente vem se animando a entrar no universo do cultivo de plantas comestíveis.

Para quem vive na cidade, é também uma forma de se conectar com os ciclos naturais e, para as crianças urbanas, pode ser uma brincadeira offline cheia de descobertas e benefícios.

Pensando nisso, organizamos as principais dicas para você que quer começar ou deixar sua horta mais feliz e ter uma colheita sempre fresquinha em casa. Vamos plantar?!

Defina o local

É uma delícia comprar vasinhos de temperos e saquinhos de sementes, mas sem planejamento não tem amor que segure: a chance da horta dar errado é grande.

Então, antes de tudo, você precisa conhecer bem o seu espaço, mesmo que ele seja pequeno.

Onde bate sol? Quantas horas? Venta muito? Tem ponto de água perto? É um lugar de fácil acesso?

Às vezes o melhor lugar não é exatamente o mais lindo ou o mais prático, mas essa mudança de planos pode valer a pena. Tem gente que monta a horta na laje do prédio, na calçada em frente de casa ou até pendurada na janela.

Acredite, aquelas fotos com alecrins maravilhosos na cozinha ou numa varanda sombreada são falsas.

Então, antes de pegar na pazinha, dedique-se a conhecer bem o seu espaço e todas as possibilidades.

Achou um lugar que recebe pelo menos 4 horas de sol por dia e é fácil de regar e mexer? Então, pronto! Agora pode escolher o quê plantar.

Escolha o que plantar

Para quem tem 8 horas ou mais de sol: com este sol dá para plantar todos os temperos, verduras e legumes. As únicas que podem reclamar desse solzão são plantas de folhas muito delicadas, como hortelã, menta e melissa. Verduras, como alface, que adoram sol, mas têm folhas fininhas, preferem o sol da manhã, que não é tão quente quanto o sol da tarde.

Para quem tem de 4 a 6 horas de sol: para este sol, o ideal é fazer uma horta a partir de mudas e não de sementes, já que precisam de sol por mais tempo para se desenvolverem bem. Pode apostar em verduras, como rúcula, agrião, espinafre, e temperos, como salsinha, cebolinha, coentro e manjericão, ou até moranguinhos. Se o local de plantio (solo ou vaso) tiver mais de 25 cm de profundidade, também dá para plantar cenouras, rabanetes e beterrabas.

Co-living / plantas amigas: misturar é ótimo e, na natureza, a diversidade é amiga do equilíbrio. Você pode aproveitar um mesmo espaço ou vaso para misturar plantios que se ajudam, como: couve + capuchinha, tomate + manjericão e alecrim + orégano.

Ficou com dúvida ou com medo de plantar algo sem saber exatamente como fazer? Nós, da Lello, trouxemos algumas sugestões para você começar. Confira.

Cebolinha

A cebolinha já é um ingrediente conhecido na culinária brasileira e também é uma planta de cultivo simples.

Elas podem ser plantadas durante o ano todo, em qualquer clima, e podem ser transplantadas para outro vaso caso seja necessário.

O solo deve ser mantido irrigado e sua colheita é feita pela base das folhas, evitando cortá-las pela metade.

Salsinha

A salsinha também é responsável por trazer mais sabor, perfume e alegria às refeições.

Embora seja favorecida por temperaturas amenas, seu plantio pode ser realizado em qualquer época do ano.

Um solo bem irrigado e adubado com frequência são o segredo para o seu crescimento.

Alecrim

Conhecido por seu aroma único, o alecrim é uma ótima opção para uma horta em casa.

Quando plantado em mudas, é importante que elas tenham atingido um tamanho de 15 a 20 cm, o que favorece sua adaptação ao novo solo.

Enquanto for jovem, é importante que esteja protegido de frio intenso, portanto, é recomendado que seja plantado durante o verão.

Além disso, nesse estágio, as regas têm que ser mais frequentes, ficando mais espaçadas quando já tiver crescido um pouco.

Hortelã

A hortelã é coringa na preparação de bebidas, como chás e sucos.

Por ser uma planta um pouco delicada, é indicado que o plantio ocorra em épocas de temperatura amena e que ela fique protegida de ventos fortes.

Manter o solo irrigado e adubado é o que faz a diferença no desenvolvimento dessa erva.

A colheita pode ser feita arrancando algumas folhas ou cortando a haste, sempre acima do primeiro par de folhas.

Alface

Para quem é fã do frescor de uma boa salada, a alface é um item chave para se ter em uma horta em casa!

Ao ser plantada em mudas, um número maior de folhas indica mais desenvolvimento e pode ajudar na adaptação ao solo em que será cultivada.

As altas temperaturas não são favoráveis ao seu crescimento, por isso, se indicam estações de clima ameno para o seu plantio.

Para colher a alface é preciso cortar a sua base, deixando parte dela no solo para que dê origem a novas folhas.

Cenoura

Entre as hortaliças mais versáteis e saudáveis para se ter em uma horta em casa está a cenoura.

Seu plantio é realizado através de sementes e é importante destinar a elas um vaso profundo, já que o vegetal se trata de uma raiz.

Esse também é mais um caso em que o ideal é plantar a semente durante estações de temperatura mais amena.

Para garantir um crescimento saudável, um solo irrigado faz toda a diferença.

Repolho

O repolho também é plantado através de sementes, mas pode ser transplantado quando atinge cerca de 10 cm de altura.

O tamanho do vaso em que será depositado é o fator determinante para o tamanho das cabeças de repolho que serão produzidas na sua horta em casa.

Regas frequentes e incidência direta de luz solar também contribuem para o seu desenvolvimento.

Como manter a horta saudável?

Não tem mistério: uma horta saudável precisa de sol, água e nutrientes.

Uma dica que faz toda diferença é fazer uma boa cobertura de solo, usando folhas secas, casca de árvore ou serragem para proteger e manter a terra úmida por mais tempo.

Rega

É importante lembrar que terra encharcada é tão ruim quanto terra esturricada. Então, o segredo é estar atento à umidade do solo, que varia muito dependendo do sol e do clima. 

Usar o dedo é infalível! Se a terra está seca, água nela. Se ainda está úmida, pode esperar mais um pouco. Fazer uma rega abundante menos vezes é melhor que regar um pouquinho todo dia. 

Também é bom evitar regar no sol forte. A água evapora antes de chegar na raiz e ainda pode cozinhar as folhas.

Adubação

Aqui, também vale o equilíbrio, porque adubar demais pode ser pior que adubar de menos e o brasileiro tem mania de adubar muito!

Melhor sempre errar para menos e não intoxicar a planta. Os melhores adubos para horta orgânica são o composto orgânico (aquele produzido na compostagem doméstica) e o bokashi (pode ser comprado em qualquer garden center).

Uma última dica: curta sua horta, em todas as etapas. Aprenda com ela, celebre o começo e o fim de cada ciclo. Por fim, aproveite todas as partes das plantas para deixar sua rotina cheia de sabor e saúde!

Agradecemos pela participação dessa nossa parceira que sabe tudo sobre plantação e sustentabilidade. 💚

Gostou das nossas dicas de como fazer uma horta em casa e trazer mais vida e saúde para o seu lar? Compartilhe esse conteúdo com alguém que merece esse cuidado no conforto de casa.